3.2.06

É SEMPRE ASSIM, Ó...


"Neste mundo de tantos anos
Entre tantos outros
Que sorte a nossa hein?
Entre tantas paixões
Este encontro
Nós dois, este amor"

(Liminha - Vanessa da Mata)

(pra Dani, de novo, e pro Neco)

É sempre assim às vésperas de um grande evento. Cigarros, meu Zippo vermelho, e um copo grande de uísque, muito suor e gelo (pra lembrar um bocadinho do que disse o Aldir no prefácio do meu livro). Vou explicar.

No ano passado, durante uma das viagens da Dani, assistindo TV numa noite insossa, dei de cara com uma mulher alucinante, cantando de forma lancinante, dançando de forma alucinante, deixando-me paralisado. Paralisado e bêbado (bebi durante o programa). Quando Dani voltou de viagem eu disse brincando: "Estou apaixonado".

Eu tinha visto Vanessa da Mata cantar. Comprei os discos. E fiquei ainda mais apaixonado (pra minha sorte, Dani dividiu a paixão comigo). E fiquei esperando, esperando, esperando ela vir ao Rio apresentar-se.

Semana passada eu soube. Dia três de fevereiro. Canecão.

Fui aos ingressos.

Esgotados.

Daí valhi-me de um expediente que não gosto: bati o telefone pro Neco (já falei dele uma vez, aqui no Buteco). O Neco manda. Sem mais detalhes. Mas manda.

E fui, hoje à tarde, buscar os dois ingressos, setor A (o melhor! o melhor!), mesa 110, e estamos a menos de uma hora do começo do espetáculo.

Antevendo taquicardias, falta de ar, muito chôro (sou sempre assim, fui assim com a Maria Rita), recorri a eles: o cigarro, o Zippo e o uísque. Agora é banho e Canecão.

Vou cantar junto, lembrar de gente que está longe, nem-quero-ver. Dani levando meu uísque na bolsa, dotada de paciência pra aturar meus descompassos, e finalmente verei, ao vivo, essa força nascida em Mato Grosso, pantaneira, aqueles cabelos ao vento, aqueles pés descalços (ai, ai, ai), e seja o que for.

Até.

PS: ah, sim. É dedicado à Dani por causa da sorte que foi nosso (re)encontro. E ao Neco, pelos ingressos.

Um comentário:

∫nês disse...

"Case-se comigo
Antes que amanheça
Antes que não pareça tão bom pedido
Antes que eu padeça ..."

E' linnnnnnnndo!!!
Ela tem uma voz abençoada! Também eu me apaixonei por ela assim que a ouvi.

Que "invejazinha" com que eu fiquei :)
Espero que tenha sido, no mínimo, extraordinário e que tenham adorado.


Um beijo grande para ti e para a Dani!