5.1.07

JOTA E A PRIMEIRA DO ANO

Nota de 04 de janeiro de 2007, que me foi passada pelo Caio Vinícius, leitor vigilante que também não agüenta o jota, minúsculo de propósito.

Vocês acham que o homúnuclo quis dar a notícia sobre os quiosques que serão inaugurados? Ou quis bajular o vice-presidente da Orla Rio?

Qual o quê!

O troço foi escrito - mal escrito, pra variar - apenas para citar um dos bares de merda preferidos do empregado do jornal.

nota publicada no jornal O GLOBO de 04 de janeiro de 2007

Até.

Um comentário:

Anônimo disse...

Como sempre o jota e suas sutilezas de merda para promover seus botecos de merda! Só nos resta, Edu!, só nos resta, cara, orar para São Sebastião!

Em tempo: um felicíssimo 2007 procê, meu camará! (E, ó, logo-logo vou aí, no Rio. Me aguarde)!

Forte abraço, irmão!